Anatomia das mamas

 

As mamas são glândulas que atingem o ápice do seu desenvolvimento durante a gravidez e a amamentação. Situam-se no tórax e são formadas pelos tecidos glandular (produção e liberação de leite), celular ou conjuntivo e gorduroso.

Na base da mama há de 18 a 20 estruturas (tecido glandular) semelhantes a cachos de uva. Ali acontece a produção do leite, que posteriormente será conduzido através de ductos ou canalículos próximos da região areolar, formando os depósitos ou bolsões de leite que se afinam novamente até o mamilo.

As mamas são preparadas no período de gestação para realizar a produção de leite. O responsável pelo estímulo a essa produção é o próprio bebê, através da sucção correta. No momento do parto já é possível, para a maioria das mulheres, ver o colostro, mas, caso a mãe não o visualize, não deve se preocupar, basta o bebê sugar algumas vezes que o colostro começará a sair.

Vale a pena lembrar que o volume de leite produzido é proporcional ao estímulo de sucção do bebê. Se a mãe quiser aumentar a produção de leite, basta estimular o bebê a sugar um maior número de vezes e por mais tempo. Ela não deve pular uma mamada para economizar leite, pois isso fará com que as mamas produzam menos leite.